quarta-feira, 1 de junho de 2011


Segunda injecção de hormonoterapia


Ontem fui fazer o segundo tratamento de Hormonoterapia. Correu tudo muito bem apesar do meu medo e pavor das agulhas. Mas não dói muito confesso. Ainda bem!
Com este tratamento tenho tido muitos afrontamentos, alterações de humor corrimento e secura vaginal. São sintomas normais para quem faz hormonoterapia como eu. A enfermeira já me tinha avisado.
O que me custa mais neste momento são os calores. E nesta altura do ano ainda pior pois acabo por ter 3 tipos de calores: os afrontamentos, os calores do tempo e da minha cabeleira que agora incomoda-me um pouco. O cabelo já está a crescer mas ainda se vê muito o meu couro cabeludo. Ainda não estou preparada para me ver sem a cabeleira! As alterações de humor também me incomodam! Por vezes estou muito nervosa e acabo por ser antipática e mal-humorada coisa que não tem nada a ver comigo. Tenho também muito corrimento vaginal e secura. Passo a vida a mudar de cuecas pois fico molhada e sinto-me desconfortável. Evito usar pensos diários pois já me disseram que o seu uso pode provocar infecções urinárias, pois são um poço de micróbios!

Para a secura vaginal comprei um gel íntimo não hormonal à base de água.Chamasse KY Jelly. É muito bom e não é caro.
 Agora vou voltar ao I.P.O. no dia 9 de Junho para a consulta da mama. Vamos lá ver o que a médica me vai dizer. Vou sempre com algum receio mas.... Bom seria se ela me encaminha-se para a consulta de Plástica. Anceio imenso por fazer a minha reconstrução.



Dia Mundial da Criança

Um beijinho muito especial a todas as crianças do Mundo. Sejam felizes meus amores!!!!


DIREITOS DAS CRIANÇAS

1- A criança deve ter condições para se desenvolver física, mental, moral, espiritual e socialmente, com liberdade e dignidade.
2- A criança tem direito a um nome e uma nacionalidade, desde o seu nascimento.
3- A criança tem direito à alimentação, lazer, moradia e serviços médicos adequados.
4- A criança deve crescer amparada pelos pais e sob sua responsabilidade, num ambiente de afecto e de segurança.
5- A criança prejudicada física ou mentalmente deve receber tratamento, educação e cuidados especiais.
6- A criança tem direito a educação gratuita e obrigatória, ao menos nas etapas elementares.
7- A criança, em todas as circunstâncias, deve estar entre os primeiros a receber protecção e socorro.
8- A criança deve ser protegida contra toda forma de abandono e exploração. Não deverá trabalhar antes de uma idade adequada.
9- As crianças devem ser protegidas contra prática de discriminação racial, religiosa, ou de qualquer índole.
10- A criança deve ser educada num espírito de compreensão, tolerância, amizade, fraternidade e paz entre os povos.